sábado, 7 de fevereiro de 2009

"sou uma mulher madura
que às vezes anda de balanço
sou uma criança insegura
que às vezes usa salto alto
sou um mulher que balança
sou uma criança que atura."
(Martha Medeiros)

2 comentários:

joão áquila disse...

legal!
ser criança adulta ou adulto criança
eis a questão!

Anônimo disse...

O texto tem muita gíria do Sul, mas consegui entender. UAI!

Suzane- São José do Rio Pardo-SP