sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Momento Nostálgico

Como é bom saber que temos família e que nela existem pessoas que podemos contar para qualquer coisa. E estão sempre lá, prontos para atender. Eu posso dizer que sou privilegiada, pois, carrego pessoas especiais que mesmo de longe se fazem muito presentes em minha vida.

Por morar longe, estas coisas se tornam ainda mais importantes e aprendemos a resgatar estes valores, que às vezes ficam adormecidos dentro de nós.

Carrego lembranças de pessoas queridas que me surpreendem com sua bondade e atenção.

Vivo intensamente todo esse carinho.

Tenho uma "vozinha" que se rejuvenesce a cada encontro e se torna uma amiga, companheira fiel de conversas e mates, dois "vozinhos" que amo de paixão e me deleito com suas companhias, simplismente para ficar ali...bem quietinha e viajar em suas histórias de vida.

Primos queridos, primas que as considero como verdadeiras irmãs, tias e tios que amo de paixão.

Sou privilegiada!! Graças a Deus!!

Meu irmão me orgulha sempre, pessoa simples, bom caráter, tranquilo, amigo dos seus amigos, fiel, companheirão e extremamente sem paciência e gremista. Fazer o quê? Ninguém é perfeito!

Em contrapartida tenho um pai extremamente paciente e que a cada dia me ensina a ver o lado bom e a aceitar os acontecimentos da melhor forma e acima de tudo acreditar: "...fé em Deus, baixinha...", como ele fala. Claro que também é gremista!!! Tudo bem, pai, eu entendo! E a mãe? Sem palavras...pessoa que amo muito e que ainda me faz sentir-me criança. Como é gratificante crescer e ainda assim ser criança e ter vários colos se necessário.

Amo meu marido e até onde sei me ama também...será???(quando ele chegar, vou ter que perguntar isso) e que está sempre do meu lado, com suas palhaçadas e acrobacias para tornar meus dias agradáveis e, por último, porque as melhores coisas vem depois, ganhei o meu melhor presente de Deus, o meu filho, que amo infinitamente e me faz sentir que verdadeiro amor e verdadeira felicidade dependem de muito pouco.

Tá bom, tá bom, eu sei que estou muito sentimentalista hoje...mas estava precisando desabafar!!

3 comentários:

Renata Miranda Ragagnin disse...

Olha... Eu já acho que ser gremista é uma qualidade e tanto... Passei a gostar da tua família a partir de hoje.

lenir disse...

Cara Renata, eu também gostei muito do seu blog...já andei xeretando tudo aqui...rs...você escreve com a alma, e isso é contagiante!!!
Já virei freguesa também!!! :)
Seja bem vinda ao mundo dos blogs, querida!!!
:)))
Bjssssssss

PS. Imitando o Silvio Santos, Renata é o nome da minha filha número 2...rs...

Ana disse...

Tão bom falar o que a gente está sentindo!

(Economizo muito $$ aqui! Se não tivesse um blog precisaria de um analista! Heheheh!!)