terça-feira, 7 de outubro de 2008

Mudar



Tudo muda. As coisas devem mudar. Há coisas que não mudam. Eu mudo. As mudanças acontecem naturalmente sem nos darmos por conta. Às vezes não. Mudam-se as vontades. O tempo muda e a vida também. Pra que mudar? Você muda? Pra quê? Mudar é preciso...

"Mudar pra ser feliz...
Pra encontar a paz que quis.
Nos teus olhos vejo a luz
que eu sempre quis.
Na mansidão da noite
peço luz
pra expressar a vontade que um dia quis..."

Um comentário:

Renata Miranda Ragagnin disse...

Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo!